Suspeitos da morte do agricultor são persos pela policia civil de Valença

O Serviço de Inteligência  da Polícia Civil de Valença-Ba, sob o comando de dr. José Raimundo Neri pinto , coordenador da 5ª COORPIN  apos investigações realizadas em todo o município e também na zona rural  ,prendeu  os suspeitos crime de latrocínio que vitimou  o comerciante, agricultor e ex-professor de Educação Física, Raimundo Pereira Nascimento. Ocorrido no ultimo dia 12 de janeiro, na Aldeia de São Fidélis, zona rural de Valença. Os suspeitos  identificados por , Misael da Conceição e Hércules da Silva foram apresentados na sede da 5ª coorpin onde  encontram-se  à disposição da Justiça desta Comarca. Ainda segundo e equipe do setor de inteligência da Polícia Civil, as investigações seguirão com o objetivo de prender o restante do bando dando assim uma resposta a sociedade.


Direção do SAAE faz balanço da Operação Verão.

Na manhã do dia 12 de janeiro, a direção do SAAE, juntamente com a Divisão Técnica fizeram balanço da operação verão realizada no Guaibim, que abrangeu Natal, Réveillon e envolverá nos próximos dias de Carnaval.

Durante o Natal e Réveillon mantivemos o nosso planejamento pioneiro de trazer carros pipas para auxiliar no abastecimento, o que ocorreu de maneira tranquila e regular, porém, no dia 1, identificamos que a estação já tinha enviando mais de 5 milhões de metros cúbicos de água, o que é um volume muito grande para uma população de quase 31 mil pessoas.

A rede de água ficou sem pressão para enviar água aos reservatórios na parte alta das casas, pois, a água estava fraca nas torneiras, o que nos causou estranheza, pois, o rio Patipe já tinha sua reserva de água captada, não tínhamos mais de extrair água, por isso deixamos dois carros pipas abastecendo o distrito.

Só no dia 3 de janeiro, quando percorremos a rede de maneira manual, pois, os equipamentos não detectavam vazamento na rede, sendo assim os servidores da equipe de água identificaram o rompimento de tubulação geral, compreendidos entre a Maricultura e o Aeroporto, foi assim que identificamos a causa da falta de pressão na rede.

Quando conseguimos sanar o vazamento foi aproximadamente ás 21:00 horas e ás 2:30 da manhã todo o Guaibim já estava abastecido e com os reservatórios das casas cheios.

Portanto, não foi falta de planejamento da direção, pois, fizemos um planejamento que nunca foi realizado. Colocamos bombas para captar um volume de agua maior, alargamos o espaço de processo de filtragem da água, contratamos 2 carros pipas injetando água no reservatório initerruptamente.

Para o carnaval, esperamos também um volume concentrado de pessoas, nesse sentindo vamos manter o carro pipia, porém, vamos injetar a água no reservatório de distribuição no centro do Guaibim, vamos prolongar o local de captação de agua, para que possamos captar água em um volume maior, vamos manter todas as bombas trabalhando 24 horas, e vamos utilizar mais três filtros para acelerar o processo e tratamento da água.

Com todas as intervenções, acreditamos que não teremos problema. Esperamos da população uma consciência no que diz respeito ao consumo de água, pois, identificamos carros sendo lavados com lava jato, chuveiros das barracas ligados continuamente, piscinas sem o devido tratamento de água, torneiras de área de lazer aberta.

Infelizmente o Rio Patipe não suporta essa população flutuante nos períodos de Réveillon e Carnaval, nesse sentido, o SAAE envidará esforços para que possamos construir uma nova Adutora que ligará a ETA – VALENÇA a ETA do Guaibim.


O SAAE e o Governo de Ricardo Moura e Beto, cuidando da nossa gente!

Elisabete Carvalho
Secretaria SAAE Valença
(75) 8864-8409
(75) 3641-3641

Policia militar prende elementos e apreende 25kg de dinamite em Valença .

 

Valença: Suspeito flagrado com mais de 25 quilos de explosivos

Foto: Divulgação / SSP-BA

Ricardo José Menezes Dória, 45 anos, foi detido por policiais da 33ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM) de Valença, após uma denúncia anônima. As guarnições chegaram, na noite da última terça-feira (16), a uma oficina onde encontraram o veículo Cherry, preto, placa NXB-7892, de propriedade de Ricardo José. Realizada uma revista, foram apreendidas 12 bananas de dinamite no porta-malas do carro. Em seguida a descoberta, os policiais acompanharam Ricardo até a pousada onde estava hospedado, sendo encontrados mais 25 quilos de explosivos. O criminoso, junto com o material apreendido, foi encaminhado à Delegacia Territorial de Valença, para a lavratura do flagrante. “Sabemos que esses explosivos poderiam ser usados para estouros de caixas eletrônicos, então os policiais estão de parabéns pelo trabalho, pois evitamos assim futuros crimes”, afirmou o major Alexandre Costa, comandante da 33a CIPM. De acordo com o delegado José Raimundo Neri Pinto, titular da 5a Coorpin, em Valença, Ricardo foi autuado por posse de artefato explosivo desautorizado.


Funcionário da Prefeitura de Valença morre vitima de acidente automobilístico na BA.001 em Graciosa

Rogério Lopes, 41 anos funcionário da prefeitura municipal de Valença, morreu na noite deste domingo (14),após sofrer um acidente automobilístico  na BA.001 em  Graciosa . Segundo testemunhas, a vítima trafegava no local abordo de uma motocicleta quando perdeu o controle do veiculo  e colidiu em uma árvore localizada a beira da pista . A vitima foi socorrido por populares ate o hospital de Taperoá  onde recebeu os primeiros atendimentos sendo logo após transferido pela  equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) para o  Pronto Socorro de Valença, mas ele não resistiu aos ferimentos, indo a óbito antes de chegar ao hospital . O corpo será necropsiado no Instituto Médico Legal (IML) de Valença.

 


Valença: Agricultor morre durante assalto na ladeira da Aldeia de São Fidélis

O agricultor e ex-professor de Educação Física, Raimundo Pereira Nascimento, foi morto e outro homem foi baleado durante assalto na ladeira da Aldeia de São Fidélis, zona rural de Valença. Raimundo e suas irmãs estavam transportando cravo da índia em um caminhão modelo Ford Ranger e seu segurança Ivan estava em outro veículo, quando foram surpreendidos pelos assaltantes nesta sexta-feira (12).
Segundo informações, os assaltantes interceptaram o veículo e ordenaram que as vítimas passassem os sacos de cravo da índia para o caminhão roubado F-1000, placa JLO 6779.
Após Raimundo alegar que tinha problemas na coluna, os assaltantes efetuaram disparos contra os dois e evadiram levando o veículo da vítima e documentos. Raimundo Pereira foi baleado na coxa, sendo atingida a veia femoral. O agricultor não resistiu aos ferimentos, indo a óbito. Ivan também foi baleado, sendo socorrido ao Pronto Socorro de Valença.
O estado de saúde não foi divulgado. As irmãs de Raimundo seguiram para um matagal no momento dos disparos. O corpo da vítima de latrocínio (roubo seguido de morte) foi encaminhado para o Instituto Médico Legal de Valença para ser necropsiado.

Valença: Bandidos armados toma veículo de Assalto na localidade de Boca da Mata

Imagem ilustrativa
Na noite desta quinta-feira (11), foi tomado de assalto na localidade conhecida por Boca da Mata, um veículo modelo FIAT Palio, placa AOK 5509. A ação criminosa aconteceu nas imediações do Colégio Manoel Marques, na cidade de Valença/BA.
Segundo informações do proprietário, ele trafegava na BA seguindo de Nilo Peçanha para Valença, quando bandidos armados a bordo de outro veículo, interceptaram o veículo em que ele estava e anunciaram o assalto. Após a ação criminosa, os meliantes seguiram em direção a cidade de Taperoá.

Após assinatura de Termo de Ajuste de Conduta – TAC, empresa Oliveira Santana começa a fazer reparos no reservatório semienterrado na ETA –VALENÇA

Após 12 ( doze) meses de notificações extrajudiciais emitidas pela Direção do SAAE, e abertura de inquérito civil pelo Ministério Público Estadual, a  Empresa Oliveira Santana Construção Ltda., assinou Termo de Ajuste e Conduta – TAC , para reparos no reservatório semienterrado na Estação de Tratamento de Água – ETA – VALENÇA, objeto de repasse n° 0237764-46/2007 e n° 023814018/2007, firmados entre o Ministério das Cidades e Prefeitura Municipal de Valença no ano de 2011, cujo vulto licitatório se aproximou dos 5 milhões de reais.

A empresa foi responsável pela construção e ampliação do reservatório da principal estação de tratamento que abastece a cidade de Valença. O reservatório foi interditado pelo Ministério Público, após laudo técnico encomendado pele SAAE.

Segundo informações, a obra foi subcontratada, não sabemos se parcialmente ou em sua totalidade. De acordo com setor de engenharia da Autarquia, a obra não foi executada conforme projeto básico, isto pode ter ocasionado as fissuras na concretagem do reservatório.

Além do prejuízo ao erário, a obra trouxe prejuízos a população, pois, deixamos de utilizar o reservatório que abasteceria a cidade, como também trouxe prejuízos a Autarquia no que se refere aos gastos com despesas fixas e variáveis. Tivemos um aumento de 100% na conta de energia da bomba que capta água na ETA, uma vez que a mesma passou a trabalhar 24 horas desde dia 15 de fevereiro de 2017, tivemos custos com hora extra de servidores que monitoravam a captação para que não houvesse sobrecarga na bomba, tivemos um ajuste também no valor da empresa que presta serviço de manutenção nas bombas, uma vez que a mesma aumentou os reparos nos equipamentos da captação.

Houve também um custo maior com insumos químicos, uma vez que tivemos que mudar alguns produtos devido o volume maior de água tratada, pois ficamos sem o reservatório para reservação de água.

O mais preocupante foi a falta de fiscalização de um repasse nesse valor, sendo uma obra tão importante para o município de Valença. Creio que quando entendermos que o dinheiro público é proveniente de arrecadação, sendo um recurso retirado do orçamento das famílias brasileiras, e deve ser empregado com responsabilidade e transparência, talvez tenhamos uma administração pública mais produtiva. É preciso responsabilizar e cobrar de empresas ou pessoas envolvidas em ações que impliquem em prejuízo ao erário – Afirma a Diretora do SAAE.

O SAAE e o Governo de Ricardo Moura e Beto, cuidando da nossa gente!

Elisabete Carvalho
Secretaria SAAE Valença
(75) 8864-8409
(75) 3641-3641

SAAE .Nota de escalerecimento

 
Considerando que o aumento tarifário está previsto na Lei de 11.445/2007, que ratifica as condições de sustentabilidade e equilíbrio econômico-financeiro da prestação dos serviços, em regime de eficiência, incluindo:

a) o sistema de cobrança e a composição de taxas e tarifas;
b) a sistemática de reajustes e de revisões de taxas e tarifas;

Considerando que os aumentos nas tarifas sempre são concedidos de janeiro a março, com exceção em 2017, que o executivo autorizou no mês de maio, e que os anos de 2013 a 2016 os reajustes foram respectivamente: 7,5%, 8%, 8% e 11,27%.

E que em 2017 e 2018, estes reajustes permaneceram em 7 % (por cento), mesmo tendo Autarquia investindo R$ 509.000,00 (Quinhentos e nove mil reais), em insumos para esgotamento sanitário. Adotamos também em uma nova tecnologia para o processo de filtragem da água na estação do Alto São Roque no valor de R$ 370.164,42 (trezentos e setenta mil, cento e sessenta e quatro reais e quarenta e dois centavos), deixando de trabalhar com Seixo e areia na filtração da água, para trabalhar com Antracito e Crepinas, tecnologia que proporciona melhores resultados na remoção de cor e turbidez além de remover o odor da água.

Considerando ainda que o contrato da empresa de química Quimil, findou-se, e a mesma não obteve interesse em participar da nova licitação, cujo o licitante vencedor foi a Bauminas Química, passando o contrato de R$ 800.000,00 (oitocentos mil) para 1. 021,00 (Um milhão e vinte e um mil).

Considerando ainda que estamos reformando a estação de tratamento principal, cujo o montante da reforma é de R$ 380.000,00 (trezentos e oitenta mil).

Considerando ainda que estamos investindo 168.000,00 (cento e sessenta e oito mil reais) em um reservatório de aço inox para dar suporte a estação do Patipe.

Considerando ainda que recebemos duas novas estações compactas de tratamento de esgoto situadas no bairro do Novo Horizonte, ocorrendo um aumento de 200.000,00 (duzentos mil reais) no contrato da Coelba.

Considerando ainda que parcelamos um débito previdenciário de 2013 a 2016 no valor de 700.000,00 (Setecentos mil reais).

Considerando ainda que recebemos 42 (Quarenta e dois) novos servidores que reforçaram a mão de obra, fazendo jus de todas as vantagens que os contratos temporários não detinham.

Informamos a população valenciana, que o reajuste vem para contribuir com os investimentos requeridos pela população em saneamento.

Identificamos que nos últimos anos a Autarquia vem fazendo paliativos, o que não é mais aceitável, pois precisamos nos planejar para os próximos anos, e isso requer investimentos nas Estações de Tratamento de Água – ETA.

Nesse sentido, torno público nota de esclarecimento à população valenciana.

ESTRUTURA TARIFÁRIA VIGENTE APÓS REAJUSTE CONFORME DECRETO No. 2.691/2018 DE 05.01.2018, QUE ALTERA O DECRETO Nº 466/2010.

SERVIÇOS MEDIDOS – VALENÇA BAHIA CATEGORIA RESIDENCIAL

CATEGORIA RESIDENCIAL  
 

Tarifa R1  –  2017

 

2018

 

Tarifa R2 -2017

 

2018

 

Tarifa R3 -2017

 

2018

Tarifa de Esgoto 0%
10 m3 20,08 21,50 0 à 10 34,89 37,35 0 à 10 50,87 54,45           0,0

Homicídio na Rua Duque de Caxias em Valença.

 

Na Rua Duque de Caxias ( taboca ) na noite da ultima terça –feira, 09/01,  Um jovem conhecido por ‘Berço’ foi assassinado com vários tiros , o crime ocorreu por volta das 22h30, centro de Valença.

Conforme informações, os autores do homicídio estavam no interior de um veículo modelo Polo, que após a ação criminosa seguiu em direção ao bairro da Bolívia.

A Polícia Militar preservou a cena do crime até a chegada do Departamento  de Polícia Técnica de Valença. Após o levantamento cadavérico o corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal de Valença para ser necropsiado.


SERVIÇO DE MOTO TAXI SERÁ REGULARIZADO NO MUNICÍPIO DE VALENÇA

 

Na manhã desta quinta-feira (04/01), foi realizada no gabinete da Prefeitura de Valença, uma reunião com objetivo de discutir a regularização do serviço de moto taxista do município. O evento contou com as participações do Prefeito Ricardo Moura, dos vereadores Mateus Passos, Clóvis Junior e Jose Borges, o Chefe de Gabinete Daniel Soares, Diretor do DMTRAN Dr. Emanuel de Jesus, Diretor da Receita Municipal Alberto Pinto, Procurador do Município Dr. Adonai Cardoso, Presidente do SINDIMotos Ubiratan Pinho e Dr. Marinaldo advogado do SINDIMotos.

Em seu pronunciamento o prefeito de Valença ressaltou a importância do serviço do mototaxista para a cidade, deixando claro às precárias condições de trabalho da categoria. Bem como a vulnerabilidade do serviço oferecido a população, esclarecendo que, a prefeitura  estará de mãos dadas com o SINDImotos, a fim de legalizar e regulamentar de acordo com a lei vigente no município o exercício desta função, oferecendo a população valenciana um serviço com mais qualidade e segurança.

Nesta primeira reunião o SINDmotos solicitou ao município o parcelamento das dividas, a fim de que possam facilitar na regularização. De imediato, o procurador jurídico do município e o diretor da Receita Municipal prometeram analisar a solicitação da categoria, obedecendo à Lei tributária municipal. Na conclusão, ficou definido a criação de uma comissão formada por representantes da administração composta por: DMTRAN, Procuradoria, Receita Municipal, Administração, Vereadores e SINDImotos, que voltarão a reunir-se na próxima segunda – feira no gabinete da prefeitura para adoção de medidas cabíveis na regularização do serviço na cidade.

Fonte: ASCOM – Vça.

Fotos: Valdemir Lima.